Instituto Rumo Inclusão em sintonia com você Informativo 6 – 27/05/20 Capacitismo e Barreiras Atitudinais No dia 21 de maio, a consultora do Instituto Rumo Inclusão, Luciene Redondo, participou de um bate- papo com a Rede ASID como convidada a falar sobre Barreiras Atitudinais para pessoas com deficiência. O webinário “Acessibilização: práticas de acessibilidade e o mapeamento em parceria com a Biomob & Rede ASID”, reuniu instituições parceiras e promoveu o debate sobre o contexto da pandemia para as pessoas com deficiência. Luciene falou sobre o capacitismo e barreiras atitudinais e sobre como as instituições têm o papel fundamental para quebra de barreiras. O capacitismo diz respeito à discriminação, sendo fruto de uma construção social e histórica de opressão sobre a pessoa com deficiência. Seja qual for o tipo de deficiência, encontramos barreiras atitudinais que limitam a plena participação das pessoas com deficiência em igualdade. As barreiras atitudinais são atitudes de terceiros em relação às pessoas com deficiência como bullying e estigma. Como estratégias de enfrentamento, falamos da importância de representatividade por parte das pessoas com deficiência, informação, humanização, respeito, ampliação do debate sobre a cultura da diversidade e ruptura de posturas assistencialistas e paternalistas. Em destaque “Além da defesa e garantia de direitos, as instituições são responsáveis pela difusão da cultura da diversidade e ruptura dos paradigmas que levam à exclusão." - Luciene Redondo Agradecemos o convite de Leonardo Mesquita, da Rede ASID Brasil. Instituto Rumo Inclusão - Seu parceiro na inclusão de profissionais com deficiência no mundo do trabalho. Contato (11) 98990-3642 - www.institutorumoinclusao.org.br - contato@institutorumoinclusao.org.br Lado esquerdo – Foto – Luciene Redondo – mulher branca, olhos claros, cabelos longos castanhos e blusa estampada. Lado direito – logo Insituto Rumo.

Instituto Rumo Inclusão em sintonia com você

Informativo 6 – 27/05/20

Capacitismo e Barreiras Atitudinais

No dia 21 de maio, a consultora do Instituto Rumo Inclusão, Luciene Redondo, participou de um bate- papo com a Rede ASID como convidada a falar sobre Barreiras Atitudinais para pessoas com deficiência.

O webinário “Acessibilização: práticas de acessibilidade e o mapeamento em parceria com a Biomob & Rede ASID”, reuniu instituições parceiras e promoveu o debate sobre o contexto da pandemia para as pessoas com deficiência.

Luciene falou sobre o capacitismo e barreiras atitudinais e sobre como as instituições têm o papel fundamental para quebra de barreiras. O capacitismo diz respeito à discriminação, sendo fruto de uma construção social e histórica de opressão sobre a pessoa com deficiência. Seja qual for o tipo de deficiência, encontramos barreiras atitudinais que limitam a plena participação das pessoas com deficiência em igualdade. As barreiras atitudinais são atitudes de terceiros em relação às pessoas com deficiência como bullying e estigma. Como estratégias de enfrentamento, falamos da importância de representatividade por parte das pessoas com deficiência, informação, humanização, respeito, ampliação do debate sobre a cultura da diversidade e ruptura de posturas assistencialistas e paternalistas.

Em destaque

“Além da defesa e garantia de direitos, as instituições são responsáveis pela difusão da cultura da diversidade e ruptura dos paradigmas que levam à exclusão.” – Luciene Redondo

Agradecemos o convite de Leonardo Mesquita, da Rede ASID Brasil.

Instituto Rumo Inclusão – Seu parceiro na inclusão de profissionais com deficiência no mundo do trabalho.

Contato (11) 98990-3642 – www.institutorumoinclusao.org.br – contato@institutorumoinclusao.org.br

Lado esquerdo – Foto – Luciene Redondo – mulher branca, olhos claros, cabelos longos castanhos e blusa estampada.

Lado direito – logo Insituto Rumo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TAMANHO DA LETRA